Páginas

segunda-feira, 30 de dezembro de 2013

Cervejas de Ano Novo


Mais uma dica do colunista Sady Homrich do suplemento Comida do jornal Folha de São Paulo - Feliz cerveja em 2014! (25/12/2013) - onde o cervejeiro, engenheiro químico e baterista da banda e Nenhum de Nós cita 2 cervejas brasileiras feitas segundo o modelo biére-brut, criação cervejeira franco-belga onde o resultado parece champagne, mas não é.

Segundo Sady, o estilo brut, nas cervejas, aproxima-se dos vinhos espumantes na aparência, no serviço e na técnica adaptada em 2001 pelo mestre-cervejeiro da Malheur Luc Verhaeghe a partir dos estudos de autólise de leveduras na França.

No Brasil, alguns anos depois Eisenbahn desenvolveu sua Eisenbahn Lust (foto acima) em parceria com uma vinícola catarinense. Segundo a Eisenbahn, sua Lust é a primeira cerveja do Brasil produzida pelo método champenoise. Depois da fermentação e maturação normal dentro da cervejaria, o líquido é enviado para uma vinícola, onde fica por três meses e passa pelo processo de produção de champanhes. Possui aroma frutado e paladar refrescante. Apresenta perlage fino e numeroso com espuma cremosa. Em garrafas de 750 ml com graduação alcoólica de 11, 5% Vol e temperatura ideal para degustar: 2 a 4 graus, segundo o fabricante.

Como publicado no blog Bebida Liberada em 17/12/2010 - Eisenbahn Lust. A bebida ideal para as comemorações de final de ano - a cerveja passa de 3 meses à um ano sendo girada em 45º graus, duas vezes por dia. Na época, uma promoção no Facebook simulava virtualmente esse giro da garrafa e premiava um participante com uma cesta especial para a ceia de ano novo.


O colunista da Folha revela que mais recentemente o método virou desafio para os mineiros da cervejaria Wäls. Fãs do estilo, eles reinventaram a técnica. Segundo Sady Homrich a base para a Wäls Brut é a tripel, que traz complexidade nos aromas e um bom corpo. A levedura de espumante soma-se ao tom adocicado do aroma, com notas cítricas, resultado de nove meses de repouso e manuseio de acordo com o método champenoise em cave própria.

Segundo a Wäls, a cerveja do estilo Biére Brut é elaborada através do tradicional método champenoise. Complexa e delicada, é produzida com leveduras de champagne. Coloração dourada e translúcida, aromas que remetem ao vinho branco e notas cítricas. Perlage fino e duradouro. Sofisticada e sedutora, passa nove meses em maturação na cave com temperatura e umidade controladas. Refermentada na garrafa com 11% de alcool. Harmoniza com ostras, queijos especiais, peixes, lagosta e salada de folhas e frutas.

Fazendo uma busca no comparador de preços online Buscapé por Wals Brut encontramos uma oferta antiga com preço sugerido de R$ 175,00 e buscando por Eisenbahn Lust encontramos um preço antigo por R$ 41,80 e não disponível no momento.

Fica a dica pra quem procura opções para a cidra, vinho espumante e champanhe e é fã de cerveja mas não dispensa estourar uma rolha na festa da virada do ano e passar um reveillon brindando com tacinhas borbulhantes pra trazer sorte, dinheiro e felicidade no ano novo.

Fotos: Blog Bebida Liberada (Promoção Einsebahn Lust 2010) e Agência Fosfato/Stadt Jever.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...